BRIGADA DE TRÂNSITO

PAINEL DO USUÁRIO
Convidado
Mensagens: 0


Alterar
Ver
Tópicos e mensagens

TRÂNSITO
LINKS RÁPIDOS

 



 
     
-
 
Votação

LIMITE VELOCIDADE NA AUTO ESTRADA

48% 48% [ 172 ]
52% 52% [ 185 ]

Total dos votos : 357

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Dezembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Calendário Calendário

POSTO VIRTUAL

 




Novo "superpolícia" quer mais meios para a Segurança Interna

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

17022011

Mensagem 

Novo "superpolícia" quer mais meios para a Segurança Interna




Novo "superpolícia" quer mais meios para a Segurança Interna




Antero Luís não pede mais poderes para o secretário-geral do Sistema de Segurança Interna.

O novo secretário-geral do Sistema de Segurança Interna (SSI) reivindica uma sala de situação devidamente equipada para coordenar operações de segurança interna e um sistema informático de partilha de informações entre as diversas forças de segurança.

Ouvido hoje na Comissão Parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, Antero Luís não sabe porque razão é que esses meios ainda não existem, quando já existe legislação há seis meses. Quando tomar posse, vai averiguar se é por falta de verba.

O novo “superpolícia”, que sucede no cargo a Mário Mendes, não pede mais poderes para o secretário-geral do Sistema de Segurança Interna.

“Os poderes são suficientes, neste momento são suficientes. Pode haver aperfeiçoamentos aqui e ali, mas não se traduz numa situação de poder, não é propriamente a questão dos poderes. Eu acho que o problema hoje não é os poderes, é o exercício dos poderes - são duas coisas substancialmente diferentes – e os meios para o exercício dos poderes”, defende Antero Luís.

O homem que coordena PSP, GNR, SEF e Polícia Judiciária, num acompanhamento diário e em grandes operações de segurança no país, reporta directamente ao primeiro-ministro.

Antero Luís garante que isso não o vai condicionar, nem interferir na sua actividade do dia-a-dia “em que quer que seja”.

Antero Luís, o juiz desembargador já indigitado para o cargo de “superpolícia”, promete desempenhar as suas funções de forma independente.

http://www.rr.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=92&did=142542


avatar
BTBRAVO
2º COMANDANTE
 2º COMANDANTE

PAÍS :
MENSAGENS : 6247
LOCALIZAÇÃO : Lisboa
EMPREGO : BRIGADA DE TRÂNSITO
INSCRIÇÃO : 05/02/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Compartilhar este artigo em: diggdeliciousredditstumbleuponslashdotyahoogooglelive

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum