BRIGADA DE TRÂNSITO

PAINEL DO USUÁRIO
Convidado
Mensagens: 0


Alterar
Ver
Tópicos e mensagens

TRÂNSITO
LINKS RÁPIDOS

 



 
     
-
 
Votação

LIMITE VELOCIDADE NA AUTO ESTRADA

48% 48% [ 172 ]
52% 52% [ 185 ]

Total dos votos : 357

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Agosto 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031   

Calendário Calendário

POSTO VIRTUAL

 




Conflito entre Cavaco e governo baralha sucessão militar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

18012011

Mensagem 

Conflito entre Cavaco e governo baralha sucessão militar




Conflito entre Cavaco e governo baralha sucessão militar

Presidente e executivo às avessas na campanha. Escolha do chefe das Forças Armadas está no meio do fogo

O combate político para as eleições presidenciais de 23 de Janeiro está a dificultar um acordo entre o governo e a presidência da República para nomear o próximo chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas (CEMGFA). O actual chefe, general Valença Pinto, atinge o limite de idade, 65 anos, e irá passar à reforma em Fevereiro.

Cavaco Silva e o ministro da Defesa Nacional, Augusto Santos Silva, tiveram no domingo a primeira reunião para tratar da sucessão. O governo apresentou a sua proposta e Cavaco ficou de pensar sobre ela: é o Presidente quem nomeia o CEMGFA.

Horas depois, Augusto Santos Silva entrava na campanha de Manuel Alegre e, sem nomear Cavaco, afirmava que o papel do Presidente "não é disputar eleições legislativas nem tutelar o governo, nem definir o rumo das políticas". "Não queremos provincianos, mas um cidadão do mundo", concluiu.

As palavras do ministro não passaram despercebidas em Belém, cujo lobby militar pretenderá manter um general do Exército na liderança das Forças Armadas. Vários deputados da comissão parlamentar de Defesa foram confrontados com o seguinte cenário: o actual chefe de Estado-Maior do Exército, general Pinto Ramalho, subiria a CEMGFA e o ex-comandante da GNR, general Nélson Santos, seria o próximo chefe do Exército. O chefe da Casa Militar do Presidente, general Carlos Alberto Carvalho dos Reis, é amigo do general Valença Pinto e, com o general Rocha Vieira, constituem o núcleo duro de aconselhamento militar do Presidente.

Os militares com influência em Belém defendem que deve ser um general do Exército a suceder a Valença Pinto. O actual CEMGFA foi reconduzido em Dezembro de 2009 por dois anos, pelo que deveria manter-se até Dezembro de 2011. O facto de passar à reforma, segundo a tese, não impede a nomeação de um sucessor oriundo do Exército. Sucede que o governo parece ter outra solução.

O executivo pretende respeitar a regra tradicional, não escrita, da rotatividade dos chefes dos ramos no lugar de CEMGFA. Neste cenário, o sucessor de Valença Pinto seria o general Luís Araújo, actual chefe de Estado-Maior da Força Aérea. Fontes militares garantem ao i que esta é uma questão política muito sensível e que o não cumprimento da regra da rotatividade pode mesmo levar a demissões nas chefias. E advertem que o governo dificilmente aceitará o nome de Nélson Santos para o Exército, uma vez que o general se demitiu em ruptura com Rui Pereira, ministro da Administração Interna.

Os deputados da comissão parlamentar de Defesa, José Lello (PS) e João Rebelo (CDS-PP), são claramente a favor da nomeação do general da Força Aérea para o cargo de CEMGFA. Dizem que a regra, embora não tenha força de lei, deve ser respeitada em nome da estabilidade da instituição militar. António Filipe (PCP) e Luís Fazenda (BE) concordam também com a aplicação da regra da rotatividade, mas referem que a competência da decisão cabe ao governo e à Presidência da República. Até ao fecho da edição não foi possível ouvir a opinião do deputado do PSD Luís Campos Ferreira.

Governo pretende aplicar a regra da rotatividade e nomear general da Força Aérea. Belém prefere o Exército

http://www.ionline.pt/conteudo/99071-conflito-cavaco-e-governo-baralha-sucessao-militar


avatar
BTBRAVO
2º COMANDANTE
 2º COMANDANTE

PAÍS :
MENSAGENS : 6247
LOCALIZAÇÃO : Lisboa
EMPREGO : BRIGADA DE TRÂNSITO
INSCRIÇÃO : 05/02/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum