BRIGADA DE TRÂNSITO

PAINEL DO USUÁRIO
Convidado
Mensagens: 0


Alterar
Ver
Tópicos e mensagens

TRÂNSITO
LINKS RÁPIDOS

 



 
     
-
 
Votação

LIMITE VELOCIDADE NA AUTO ESTRADA

48% 48% [ 172 ]
52% 52% [ 185 ]

Total dos votos : 357

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Dezembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Calendário Calendário

POSTO VIRTUAL

 




Militares da GNR livres de acusação por atropelarem assaltante na A1

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

20032010

Mensagem 

Militares da GNR livres de acusação por atropelarem assaltante na A1




21 Março 2010 - 00h30
Vila Fanca de Xira

FUGITIVO ACUSA GNR DE HOMICÍDIO

O ministério Público de Vila Franca de Xira arquivou o processo contra dois militares da ex-BT/GNR, envolvidos numa perseguição na A1 a dois homens que assaltaram a portagem de Santarém à mão armada, em 2008, e fugiram de moto. Na fuga, a moto colidiu com um carro da patrulha e um dos assaltantes morreu atropelado por outra viatura policial .
O condutor do motociclo escapou do acidente com ferimentos e processou os militares, acusando-os de homicídio por negligência e ofensa à integridade física. Mas o MP, em despacho a que o CM teve ontem acesso, não encontrou motivos para os pronunciar.

http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?contentid=9F3BFCF6-E933-4ED6-8EEF-B125C27CE40C&channelid=00000010-0000-0000-0000-000000000010



focazero@hotmail.com
SOMOS A SOLUÇÃO NÃO O PROBLEMA = BT ATÉ MORRER
avatar
focazero
GENERAL
 GENERAL

PAÍS :
MENSAGENS : 521
LOCALIZAÇÃO : Portugal
INSCRIÇÃO : 21/04/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Compartilhar este artigo em: diggdeliciousredditstumbleuponslashdotyahoogooglelive

Militares da GNR livres de acusação por atropelarem assaltante na A1 :: Comentários

avatar

Mensagem em Dom 21 Mar 2010 - 5:08 por Freddy Krueger

Mal seria tambem...

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em Dom 21 Mar 2010 - 7:53 por roda 7

Já não digo nada, com a cegueira da justiça.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em Dom 21 Mar 2010 - 8:10 por solamente

Freddy Krueger escreveu:Mal seria tambem...
é verdade, mal seria tambem

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em Dom 21 Mar 2010 - 17:18 por MAKARIO

Quem participou este acidente fui eu, uma situação muito violenta, quer pela morte quer pelo assalto que antes tinha sido cometido.

Nessa altura a lamentável morte pôr em causa toda a operação de tentar parar um "motociclo" louco, este tinha passado por mim momentos antes, estava eu num nó da AE a "fundo" levou segundo a fazer 5 km.

Com todo processo e duvidas que os camaradas seriam punidos, depressa despertei a minha atenção para o caso, se eles fossem punidos estaria em causa a "segurança do país" pois ficaria no "ar" como se para um veículo em fuga, foram tomados todos os procedimentos em consideração.

Felizmente o processo foi arquivado.

Digo felizmente porque a noticia em Portugal alem de ser cega, sofre de alzaimer permanente vejamos a quantidade de casos que tem vindo a publico, que se arrastam até à prescrição.

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em Seg 22 Mar 2010 - 9:05 por BTBRAVO

Jornal i

Militares da GNR livres de acusação por atropelarem assaltante na A1


Ministério Público considerou que não podiam ter evitado acidente mortal durante perseguição

O Ministério Público de Vila Franca de Xira arquivou um processo aberto contra dois militares da GNR que, em 2008, tinham atropelado mortalmente um jovem assaltante. O acidente ocorreu na A1, a 8 de Novembro daquele ano, durante uma perseguição a dois jovens que seguiam num motociclo de alta cilindrada furtado, depois de terem assaltado as portagens de Santarém.

No despacho de arquivamento, a que o i teve acesso, o Ministério Público (MP) considera que os dois militares da antiga Brigada de Trânsito da GNR - constituídos arguidos na sequência do caso - não tiveram qualquer responsabilidade pelo sucedido. "Não podia nem lhe era exigível [ao condutor do carro da GNR], nas concretas circunstâncias, que evitasse o atropelamento", conclui o procurador do MP.

A investigação foi delegada na Polícia Judiciária e permitiu concluir que o acidente foi causado pelo assaltante que conduzia o motociclo. A moto embateu num carro da GNR que procurava barrar os assaltantes e a colisão causou a queda dos dois ocupantes. E foi quando estava caída na via, ao quilómetro 26,5 da A1, que a vítima mortal acabou colhida por um segundo carro que ia em perseguição.

Ouvido durante a investigação, o condutor do motociclo e suspeito de vários assaltos, R. P., confessou que durante a fuga chegou a circular a 280 quilómetros por hora. A "violação grosseira das regras de circulação rodoviária" acabaria por ser considerada causa da colisão com a viatura da GNR.

R. P. conseguiu fugir no mo-mento do acidente, mas acabaria por ser identificado e detido poucos dias depois. Interpôs uma queixa contra os elementos da BT, por ter sofrido vários ferimentos no acidente. Queixa para a qual o Ministério Público concluiu não haver qualquer fundamento.

http://www.ionline.pt/conteudo/52140-militares-da-gnr-livres-acusacao-atropelarem-assaltante-na-a1

Voltar ao Topo Ir em baixo

avatar

Mensagem em Seg 22 Mar 2010 - 13:31 por "ASA"

Eu ia no veículo com o qual a mota colidiu...
Estávamos a fazer abrandamento de trânsito com os pirilampos ligados, como foi confirmado pelas testemunhas civis.
Como declarou o condutor, vinha a 280km/h e tentou furar o abrandamento.
O colega que vinha atrás e embateu no pendura, não o viu caído na estrada, pois eu já estava na traseira do veículo quando ele lhe embateu.
Foi uma sorte não o ver caído, pois se o visse, o instinto teria sido desviar-se e ai sim, seria uma tragédia, pois embateria em mim e no nosso veículo.
Conforme foi um carro nosso a embater no individuo, podia ter sido um carro civil.
Fez-se justiça, pois estamos isentos de culpabilidade e cumprimos tudo o que estava ao nosso alcance para parar o veículo em segurança. o que infelizmente não aconteceu por culpa do condutor que nos embateu.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem em Ter 23 Mar 2010 - 4:29 por Convidad

Ao menos houve justiça neste caso, parabens aos militares que fizeram este serviço, morreu um assaltante? azar temos pena....
Um abraço

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem  por Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum